Bob Dylan tem muito para nos ensinar sobre liderança e motivação, basta ouvir ou ler algumas das suas letras. Poucos artistas como Bob Dylan tiveram tão grande impacto não só nos Estados Unidos como internacionalmente. Seja na sua lendária carreira musical, que continua a ser fonte de inspiração, mais de 5 décadas após o lançamento do seu primeiro álbum, ou na forma como inspirou uma geração de mudanças radicais na década de 60 do século XX.

Assim, será lógico pensar que Bob Dylan aprendeu e ensinou-nos de certeza lições valiosas sobre liderança. E não há melhor do que aprender conceitos “chatos” a ouvir música. Por uma questão de tradução optei por manter as letras originais de algumas das músicas de Bob Dylan, para que assim não se perca o significado na minha tradução para Português.

 1 – É melhor começar a nadar ou vais-te afundar como uma pedra, porque os tempos são de mudança!

You better start swimming or sink like a stone, cause the times they are a-changing. – Da canção –The Times They Are A-Changin’

Esta canção de Bob Dylan, foi escrita durante os conturbados anos 60, sobre as convulsões sociais que se viviam, e tornou-se um dos ícones dessa década. E apesar de a sua mensagem original se dedicar, e basear, em conotações socias e políticas sobre os direitos civis, esta letra e mensagem pode-se aplicar facilmente a qualquer pessoa que queira exercer funções de liderança.

O momento actual exige que se “ande para a frente”, que se seja inovador, e que não se pense apenas na desgraça, mas acima de tudo que se tente de todas as maneiras impulsionar o grupo de trabalho, e com isso conseguir aumentar o negócio. A alternativa, como já devem ter visto e percebido, é afundar-se como uma pedra…. Traduzindo… abrir falência e despedir colaboradores.

Além de que, não sei se Bob Dylan alguma vez leu 10 leis eficazes para destruir uma empresa, mas a fonte de inspiração anda lá perto.

 2 – Se precisa de alguém de confiança, Confie em SI!

If you need somebody you can trust, trust yourself. – Da canção –Trust Yourself

Do 23º albúm de Bob Dylan, Trust Yourself, é uma canção sobre precisamente isso: Confiar nos seus instintos! Uma liderança forte depende muitas vezes de actuarmos por impulso, porque acreditamos, seja porque acreditamos na nossa equipa de trabalho, na nossa empresa, no nosso produto ou serviço (lembram-se de Steve Jobs?).

Um líder, ou aspirante a líder, que não acredite em si, nunca conseguirá o respeito nem o carinho dos seus liderados. E assim acaba condenado à partida.

3 – Que possa ser sempre corajoso, andar de cabeça levantada, e ser forte!

May you always be courageous, stand upright, and be strong. – Da Canção – Forever Young

A canção Forever Young, surgiu no album de 1971 “Planet Waves” e foi escrita como uma mensagem de um pai para um filho. Mas o seu significado por detrás da letra da canção é um sábio conselho que pode igualmente ser aplicado no nosso local de trabalho. Em cada decisão, seja grande ou pequena, um bom líder escolherá sempre a honestidade ao invés da decepção. E nada reforça mais o espírito de um grupo do que saber que se tem um líder em quem se pode confiar.

Afinal, para a maioria de nós, um líder é alguém a quem admiramos, e que respeitamos não só pelas suas qualidades profissionais, mas acima de tudo pelas suas qualidades pessoais. E a não ser que pertençamos a uma organização criminosa, queremos ter um líder que seja honesto e do qual não tenhamos vergonha nem nada a apontar-lhe.

Numa nota mais pessoal, sempre me causou estranheza referir-mo-nos às figuras de direcção de um partido político como “o líder do partido XPTO”, é que à “mulher de César não basta sê-la, é preciso parecê-la! “…. Perdoem o desabafo, mas nao nos podemos esquecer que se Bob Dylan tivesse nascido Português seria de certeza conotado como um “cantor de intervenção”…

 4 – Quando não se tem nada, Não se tem nada a Perder!

When you got nothing, you got nothing to lose. – da Canção Like A Rolling Stone

Na canção Like a Rolling Stone, Bob Dylan canta a saga de uma “Mrs. Lonely,” uma mulher que tinha tudo, e que de repente se vê sem nada, sem dinheiro, sem casa, sem família  e tem que se esforçar para sobreviver, e conseguir assim sair da crise em que se encontra.

No entanto, no local de trabalho, este cenário pode ser aplicado naquelas situações onde tudo corre mal, quando se perde um grande cliente, quando não se consegue aquele grande projecto, quando a empresa atravessa dificuldades, entre outros.

Imaginem aquelas situações em que começamos um projecto com as melhores das intenções, um plano sólido, objectivos bem definidos, uma excelente equipa de trabalho bem motivada, mas há sempre obstáculos e dificuldades ao longo de qualquer caminho, que nos fazem perder (ás vezes) quase tudo.

Nesta altura, quando não se tem nada a perder, a melhor coisa a fazer é mesmo pensar “out of the box” e recomeçar tudo de novo.

5 – Eu acredito em ti, mesmo se for o único (ou se mais ninguém acreditar)

I believe in you, even though I be outnumbered. – da canção I Believe In You

Acreditar, ter fé, e estar sempre ao lado de quem precisa, e o tema central desta música. E um bom líder tem muitas vezes que colocar a sua própria reputação, arriscar a sua cabeça (em português também se diz “colocar a cabeça no cepo”, para apoiar as suas equipas.

Nenhum líder, ou que o queira ser, pode exigir aquelas características tão em moda nas revistas de gestão como: criatividade, pensamento crítico, proactividade, resistência ao stress, entre outros “mimos” se não souber acreditar nos seus elementos.

Estimular a criatividade significa de uma forma muito simples compreender a apoiar mesmo nos erros dos outros. Além do mais houve grandes avanços científicos que aconteceram apenas por pura questão de sorte ou de fé (consoante aquilo em que queiram acreditar)

Resumindo:

Apesar de o nome de Bob Dylan não ser um sinónimo de sucesso nos negócios, as letras de muitas das suas músicas contêm uma fonte de inspiração sobre vários dos temas que nos apoquentam hoje em dia evitar stress e depressão no trabalho, dar a volta por cima, fugir à crise, procurar emprego, obter mais dinheiro, liderança, auto-motivação, criatividade, apoio e auxilio ao próximo, vontade de aprender, resistência e resiliência, entre muitos outros conceitos tão queridos dos teóricos motivacionais e de gestão.

Assim, se calhar, da próxima vez que quisermos aprender algo, em vez de irmos a correr “googlar” um termo, se calhar é mais simples Ouvir Música.

Desde que mantenhamos um espírito aberto, podemos encontrar uma excelnete fonte de motivação e de aprendizagem nas pequenas coisas que nos rodeiam. Basta estarmos atentos!

Isto foi o que aprendi com Bob Dylan sobre Liderança. E vocês?

Já sabem, o Crise e Dinheiro, é vosso e feito para ser lido, por isso deixem o vosso comentário e participem!

Até Breve!

Related Posts with Thumbnails