Mais de metade dos casos de stress e depressão têm a sua origem no local de trabalho. De facto, já que passamos a maior parte do nosso tempo no local de trabalho, a probabilidade de este contribuir para o nosso desconforto é grande.

Na verdade, despendemos cerca de 12 horas do nosso dia, com o nosso emprego. Senão vejamos: 8h de horário normal de trabalho mais 1 hora de almoço + cerca de 2 horas para viagem entre casa e trabalho e trabalho casa. Total +/- 12 horas.

Por outro lado, o grau de exigência nas empresas aumenta cada vez mais a cada dia que passa e que se fala na CRISE, ou no DESEMPREGO, o que leva a fragilizar ainda mais as relações de trabalho.

depression

Já há uns tempos falei aqui sobre a crise económica e psicológica, e sobre os impactos que se sentem cada vez mais no dia a dia.

É também claro qe neste aspecto não há motivação que resista à constante pressão a que todos se sentem e sofrem na pele.

A consequência deste quadro negro, é que vemos aumentar exponencialmente os níveis de stress até ao intolerável, e a´começam as depressões porque não é possível viver constantemente sob pressão, coacção e ameaças.

Assim, a única forma de evitarmos cair nesta armadilha de circulo vicioso (e viciado), é encontrarmos alternativas eficazes para sair da ratoeira em que nos vemos envolvidos.

Ainda outro dia, recebi aqui um comentário de um leitor (Mauro) que dizia que cada vez se sente a entrar mais em stress porque a compensação que o trabalho lhe dava começa, também ela a fugir.

Em primeiro lugar, é preciso saber definir prioridades, e estabelecer objectivos.

Em segundo lugar, é necessário encontrar formas alternativas de aliviar o stress (seja a praticar desporto, encontrar um hobby qualquer que nos distraia, ou iniciar novos projectos que nos aliciem e que permitam a médio prazo termos outras fontes de rendimento).

Por isso, trate de se sentir bem consigo próprio, e lembre-se que pode começar a controlar o seu stress se começar a definir metas e objectivos alcançáveis. E se tiver tempo e vontade pode sempre iniciar um projecto na Internet (porque não criar um blogue?), e ir testando as suas capacidades em outras áreas para além da sua mera competência profissional.

Já agora: Já penou nos projectos que gostaria de desenvolver? Deixe o seu comentário e participe na discussão.

Para ficar sempre a par das novidades do blogue, subscreva a feed RSS.

Se preferir pode sempre subscrever as actualizações por E-mail

Até Breve!

Related Posts with Thumbnails