Em tempos de crise, mais do que em outros períodos, a atitude correta é economizar ao máximo para o dia de amanhã, concordam?

Ao ver a luz acesa sem ninguém presente em uma sala, apagamos. Ao ver uma torneira aberta sem uso, fechamos. Ao ver uma máquina na empresa ligada sem necessidade, desligamos. E assim por diante.

O problema é que raras vezes pensamos em formas de o fazer no que diz respeito às licenças pela utilização de software informático.

Se não o fazemos, pelo menos é o que deveríamos fazer! Porém, existem alguns casos em que o desperdício é de difícil percepção. Já parou para pensar no “desperdício de software”? Foi pensando nessa questão que a FAD Softwares desenvolveu uma solução para combater esse caso, e foi algo que eu descobri recentemente, e que vou falar aqui no blogue, já que me parece uma excelente solução para POUPAR!

É o software AICOS 1.0. O AICOS funciona como um juiz, julgando, de acordo com as configurações definidas pelo usuário, quais programas em execução devem ser monitorizados e quando inactivos há certo tempo (“desperdiçados”) devem ser finalizados ou mesmo rodar alguma aplicação ou script para “conter o desperdício”.

Dessa forma, o AICOS garante uma economia significativa na manutenção e compra de novas licenças de uso para programas caros disponíveis no mercado.

COMO SURGIU O AICOS: O produto surgiu de um problema real enfrentado pelo sector de TI de uma empresa da região de Minas Gerais no Brasil. Nessa empresa é adoptado um sistema ERP que utiliza o mecanismo de licenças de uso compartilhadas entre os usuários da rede. Nesse caso, cada usuário ocupa a vaga de uma licença dentro do produto. E apesar da grande quantidade de licenças adquiridas o setor de TI era constantemente pressionado para liberar o uso de mais licenças.

CASO PARA ANÁLISE: Considerando o preço de uma licença de uso de um software ERP seja em torno de R$ 4.000,00. No caso de uma empresa que possui 20 computadores que acessam o sistema ERP, seria realmente necessário comprar 20 licenças do software? Todos os usuários usam as 20 licenças ao mesmo tempo? Em muitos casos a resposta para esse questionamento é NÃO.

Porém, o que ocorre na prática, devido ao uso inadequado de alguns sistemas de ERP por parte dos próprios usuários, é forçar a empresa a adquirir uma quantidade maior de licenças do que a própria quantidade de computadores que possui. Como foi o exemplo real do caso em que surgiu o desenvolvimento do AICOS. USO INADEQUADO POR PARTE DOS USUÁRIOS: O software AICOS foi criado para resolver esse problema, especialmente quanto às licenças das soluções da TOTVS S/A (RM Sistemas). Nos estudos de caso realizados durante o desenvolvimento do AICOS com empresas que utilizam o pacote de soluções da TOTVS, foi identificado que é comum os usuários iniciarem um sistema e deixá-lo minimizado ou em segundo plano enquanto focam em outra atividade por um longo período. Outra situação detectada é a de usuários que se ausentam do posto de trabalho sem finalizar a aplicação. Por fim, o mais grave, usuários que não finalizam corretamente a aplicação, o que gera um bloqueio de uma licença por tempo indeterminado. O programa aborda e soluciona automaticamente todas essas situações, garantindo o uso enxuto e inteligente das licenças. CURIOSIDADE: O nome AICOS é inspirado na mitologia grega, onde o deus Eacos é, juntamente com Minos e Radamanthys, um dos juízes do mundo dos mortos. De forma análoga, o software AICOS funciona como um juiz julgando quais processos e usuários estão ociosos e devem ser finalizados para garantir um melhor aproveitamento dos recursos tecnológicos.

Mais informações: http://www.fad-softwares.com.br/aicos.htm

Download da versão de DEMONSTRAÇÃO: http://www.fad-softwares.com.br/AICOS.zip

Ah… e não se esqueça que continua a decorrer o concurso sobre o regresso da depressão e a crise actual, onde há 5 livros para sortear entre os leitores do blogue com o apoio da editorial presença.

Para ficar sempre a par das novidades do blogue, subscreva a feed RSS.

Se preferir pode sempre receber as actualizações por e-mail

Até Breve!

Related Posts with Thumbnails