Afinal, parece que a crise se instalou hoje definitivamente no ensino superior em portugal. De acordo com o Jornal Público de hoje, o ministro do ensino superior ordenou o encerramento compulsivo destas duas instituições.

A universidadde moderna, já vinha de alguns anos para cá recheada de crises e de casos apontados como gestão danosa. Se bem que não me vá pronunciar sobre os motivos que levaram o ministro a deciir tal situação. Não posso deixar de pensar que situações de encerramento de universidades como este da Moderna e da internacional, deveriam ter sido tomados antes do inicio das aulas.

Tenha o governo razão, ou não, no questionar das características académicas e financeiras de um determinado projecto, ou da qualidade docente que o preside e que nele se envolve, o que não é aceitavél que deixem iniciar o ano lectivo, levando os alunos e professores, e funcionários das universidades moderna e internacional a pensarem num futuro, que neste momento e a manter-se esta decisão deixa de o ser.

Acima de tudo as decisões políticas devem pensar nas consequências do que provocam. Ou será que não?

Para ficarem sempre a par das novidades do blogue, podem sempre subscrever a feed RSS.

Até Breve!

Related Posts with Thumbnails